terça-feira, 10 de março de 2015

6 coisas que não deve fazer ao abrir uma empresa

20:00

  • SIGA

  • PARTILHE |

6 coisas que não deve fazer ao abrir uma empresa

No que toca a abrir empresas, os empreendedores devem estar atentos a todo o tipo de erros. Veja 6 coisas que você não deve fazer ao abrir uma empresa.



1. Escolher mal os sócios


É bom ter um expertise diferente e áreas de atuação complementares. Estar perto de pessoas que discordam e têm outras experiências é fundamental na troca de ideias e na criação de soluções. O importante é partilharem estratégias e as mesmas visões da empresa, mas conseguir usar outro ponto de vista na discussão.

2. Ter uma equipe desadequada


Contratar é difícil, mas demitir alguém pode ser ainda mais difícil. No entanto, insistir quando a contratação não dá nada certo é ainda muito pior. Uma ideia não vale nada sem as pessoas certas para a conseguirem executar.

3. Ter um foco indefinido e amplo demais


Na ansiedade do sucesso, os empreendedores querem abraçar o mundo. A curto prazo isso é tentador, mas quem muito faz, pouco acerta. Do ponto de vista do mercado, os clientes ficam confusos. Do ponto de vista competitivo, abre uma brecha para os concorrentes se especializarem. Foco significa saber o que fazer e o que não fazer.

4. Focar-se demasiado em apresentações comerciais


Todas as empresas podem melhorar uma apresentação comercial num dia, mas nada consegue barrar um produto funcional. Deixe o powerpoint de lado e comece a demonstrar mais o seu produto. Ajuste o seu discurso para o que a sua empresa possui e pode oferecer de verdade.

5. Evitar conflitos a todo custo


Não faça amizades, faça negócios. Acredite em números, projeções e resultados. Seja brutalmente honesto quando for necessário e aja de forma correta com toda a gente. Nada pior do que tentar camuflar uma situação por ter medo do conflito.

6. Investir demasiado em desenvolvimento precoce


Imagine desenvolver um produto durante um ano e descobrir que não serve para nada. Tente desenvolver apenas o essencial, uma versão simples e teste com vários públicos. Observe, volte a ajustar e teste novamente. Esse é o princípio que gera todas as startups. [Exame]

0 comentários:

Enviar um comentário

 

© 2013 DailyNegócios - Notícias sobre negócios e empreendedorismo. All rights resevered. Designed by Templateism

Back To Top